Península de Setúbal

A Região da Península de Setúbal tem diversos vinhos que são muito apreciados, quer em Portugal quer na exportação. Entre estes, os DOC Palmela, os vinhos fortificados – que, por serem de uma DOC, se chamam Generosos (os outros são apenas Licorosos). Aqui se incluem o Moscatel de Setúbal e os vinhos Regionais Terras do Sado, muitos destes famosos por terem sido expoentes da exportação nos anos sessenta e setenta do século passado – os famosos Lancers.

O terreno é muito arenoso ou então é argilo-calcário e tem uma protecção natural das brisas do mar dada pela Serra da Arrábida, um maciço gigantesco que tapa a linha de costa entre o Cabo Espichel e a cidade de Setúbal. As vinhas são cultura milenar, no entanto, sofreram com as doenças do séc. XIX, a Filoxera e o Oídio, tendo sido replantadas desde então.

Muito perto de Lisboa, esta zona produz vinhos que têm sido cada vez mais premiados, nomeadamente os das Terras do Pó, cujos habitantes, os “caramelos”, estão particularmente orgulhosos destes sucessos.